sábado, 3 de julho de 2010

Ansiedade e unhas roídas


Hoje é sábado e ainda estamos todos tentando digerir a eliminação precoce da seleção brasileira da Copa do Mundo. É, o mundial acabou para nós. E o clima de torcida, união e alegria ficou para trás. Semana que vem ninguém vai sair mais cedo do trabalho. Mas, a bem da verdade é que a vida continua e as coisas vão voltando ao normal aos poucos, inclusive este blog e os preparativos do casório.

Por isso, hoje eu vou falar do sentimento que mais acomete noivas em qualquer lugar do mundo: a ansiedade. Cada dia que passa, nós ficamos mais ansiosas para o grande dia. As tarefas e os pagamentos aumentam consideravelmente nos últimos meses, o que aumenta ainda mais o nosso nervosismo. Dá um medo absurdo de estar esquecendo alguma coisa, de não dar tempo de fazer tudo, de não ter dinheiro para pagar algum fornecedor e mais um milhão de coisas que ficam passando o tempo todo pela nossa cabeça.

Todas as noites eu demoro um tempinho para dormir porque fico pensando nas milhões de coisas que ainda preciso providenciar. Parece um turbilhão de pensamentos passando ao mesmo tempo. Para mim a consequência para tanta ansiedade foi a volta de um vício antigo que eu já tinha abandonado: roer as unhas. Desde que o casamento começou a chegar mais perto, minhas unhas nunca mais conseguiram crescer. Quando estão apontando, eu destruo todas elas por causa do meu nervosismo constante.

Além de ser uma mania ruim e nada higiênica, minhas unhas ficam feias. Fico até com vergonha de fazer unha no salão. Já não sei mais o que faço, quando vejo já estou com a mão na boca destruindo minhas pobres unhas. A minha maior preocupação é quanto ao dia do casamento. Imaginem só as fotos do momento da aliança e eu com essas unhas horríveis. Não pode. Por isso, eu faço uma promessa aqui. A partir desta semana eu vou tentar com todas as forças segurar a minha ansiedade e parar de roer as unhas. Se não ser tempo dela crescer o suficiente, a solução vai ser colocar unhas postiças.

4 comentários:

Jackeline Mota disse...

Amiguinha, imagina como to? Eu desconto na comida, em doces, coisa que normalmente nem ligo... ontem comi leite condensado puro pq nao tinha doce aqui, acredita? hahaha
Hj é sabado, tneho que escrever o TCC, mas cade a cabeça?
bjs,

Dânae e Lucas disse...

Amiga, eu imagino como vc está. A gente sempre desconta em alguma coisa mesmo, mas temos que nos controlar.

Fer's disse...

Nem me fale!!!

Tambem ando roendo as unhas... que feio neh???

Mas o nervosismo esta aflorando, o que fazer??? rs...

beijokass e força!!!

jacques disse...

Unhas frageis
Não se se você sabe mas existem os esmaltes, cremes e removedores da linha Ecrinal da França ,especializada e líder de mercado de tratamento das unhas fragilizadas e deterioradas . ate no caso das unhas roídas, e o único que não sai na agua
Os produtos não contem acetona, formaldeido, tolueno nem parabeno o que é ótimo. O acabamento e simplesmente glamouroso como a origem do produto, produzido em Mônaco, na Rivieira Francesa .
consulte os sites ( são sites técnicos e não de venda ) para poder analisar o seu caso adequadamente:
www.ecrinal.com ( frances e Ingles )
www.asepta.com ( da França )
www.asepta.com.br ( no Brasil )
A Época Cosméticos no Rio, Farmácia Iguatemi em São Paulo e outros têm esses produtos à venda inclusive pela internet (dermexpress, pharmaweb,... )
Espero ter contribuído de alguma