quarta-feira, 19 de maio de 2010

Equipe de filmagem ok!


Quando tudo parece perdido, o universo parece que conspira ao nosso favor. E foi assim que aconteceu esta semana. Estava numa busca incessante por uma equipe de filmagem que pudesse filmar o meu casamento por um precinho bem camarada. Afinal, o dinheiro estava curto porque gastei muito com as fotos. Já tinha procurado várias empresas, todas as que eu gostava eram acima de R$ 2.500, preço muito alto para o meu orçamento.

Há algum tempo, uma amiga que trabalho comigo e também vai casar me indicou o cunhado dela, o Fernando, que tem uma produtora de vídeo, a Foco Filmes. Coincidentemente, essa produtora presta serviços para a empresa que eu trabalho, por isso, sei que o trabalho deles é bom e sério. O Fernando morou um tempo nos EUA e trabalhava com filmagem de casamentos lá. Quando ele voltou para o Brasil foi trabalhar na produtora da família, mas, em paralelo, quis investir na sua antiga experiência: casamento. Em parceria com outros profissionais que já trabalhavam com esse tipo de evento aqui no Rio, ele criou a Tálamo Filmes, especializada em casamento.

Pois bem. Em abril, eu mandei um e-mail para ele que estava de férias e acabou não vendo meu e-mail. Mesmo assim, nesse tempo não consegui achar nada que me interessasse muito. Mas, aí que entra a força do universo. Esta semana, ele me ligou dizendo que estava de volta e que tinha visto meu e-mail. Ele me passou um site para conhecermos alguns de seus trabalhos e marcamos uma reunião ontem para ele falar um pouco mais do trabalho. Eu e o noivo encontramos com ele e adoramos. Além de super gente boa, ele cobrou um preço ótimo que inclui um pacote que atende às nossas necessidades: making off da noiva, duas câmeras, equipamento de alta definição, entre outras coisas. Ainda vamos ganhar uns presentinhos extras que eu adorei.

Enfim, uma ótima notícia: agora nosso casamento será totalmente registrado com foto e filmagem. Tem gente que prefere não fazer vídeo do casamento porque diz que é chato e ninguém vê depois. Eu tenho outra opinião. Se a edição for bem feita, torna o vídeo dinâmico e interessa a todos que participaram daquele momento tão especial com você. É tão legal fazer uma reunião com os amigos na casa nova e rir das coisas que aparecem na filmagem: gente bêbada falando besteira, vídeo cassetadas, nervosismo dos noivos, entre outros. Todas as vezes que vamos à casa dos padrinhos Danielle e Gustavo, sempre vemos o vídeo do casamento deles e morremos de rir. Isso é o que fica. Por isso, eu nunca deixaria de fazer o vídeo.

Fiquei muito feliz por cumprir mais essa etapa. Era o que mais me agoniava até agora.

Um comentário:

Danielle disse...

kkkk Amiga, muito maneiro vcs terem fechado o vídeo. Se vc não comentasse sobre as vindas e infinitas vezes que vcs assistiram o vídeo aqui em casa, não seri um post tão maneiro. A cena do Gustavo derramando uísque nele é a mais engraçada.

Beijo e Parabéns!

Dani Campos